IPCA de dezembro foi o mais alto de 2017; índice do ano é o menor desde 1998

A inflação de 0,44% medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em dezembro foi a mais elevada registrada ao longo do ano de 2017. A taxa acumulada em 12 meses subiu de 2,80% em novembro para 2,95% em dezembro.

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 10, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em contrapartida, a taxa acumulada no ano de 2017, de 2,95%, foi o menor resultado para um fechamento de ano desde 1998, quando o IPCA ficou em 1,65%.

O resultado de 2017 também ficou abaixo do limite inferior de 3% da meta de inflação estipulada pelo governo. A meta central definida para o ano passado foi de 4,5%, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto porcentual para cima ou para baixo.

Foi a primeira vez que o IPCA ficou abaixo de um limite mínimo de inflação amparado no sistemas de metas, que foi criado em 1999.

Em 2016, o IPCA havia acumulado alta de 6,29%. Em 2015, a inflação acumulada do indicador do IBGE foi de 10,67%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *