História e arquitetura são convites parta visitar Valeta, em Malta

A cidade de Valeta, em Malta, foi um dos locais eleitos pela União Europeia como capital da cultura em 2018. O local já foi apontado como Patrimônio Mundial pela UNESCO em 1980 e reserva fatos e dados históricos, em monumentos e palácios. Uma boa opção para visitar Valeta é fazer um dos cruzeiros que singram as águas do Mediterrâneo e prevê parada na ilha de Malta.

Fundada por volta dos anos 1530, Valeta foi marcada pela presença de cavaleiros da Ordem de São João, entidade militar católica da época. O nome Valeta, inclusive, vem de um deles: Jean Parisot de la Valette. Cerca de 300 monumentos, entre catedrais, muralhas e torres, são conservados até hoje e fazem da cidade de Malta um dos locais de maior densidade histórica do mundo.

Outra atração de Valeta é a igreja Mosta Dome, cuja cúpula é visível de qualquer ponto da ilha. O interior impressiona pela beleza nos detalhes arquitetônicos.

Para visitar esse e outros pontos turísticos de Valeta, há opções luxuosas e românticas como os navios da Regent Seven Seas, entre eles o Seven Seas Explorer, que oferece pacotes para abril de 2018. O roteiro do transatlântico partirá de Monte Carlo (Mônaco) até Barcelona (Espanha), entre os dias 12 e 23 de abril.

Nas 11 noites da viagem, ao menos uma cidade será visitada por dia, entre elas Valeta. As outras paradas rolam em Marselha (França); Antibes (França); Florença/Pisa (Itália); Roma (Itália); Sorrento (Itália); Messina (Itália); Palma de Mallorca (Espanha) e Valência (Espanha). O valor do pacote parte de R$ 22.190 por pessoa, em suíte dupla.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *